[Podcast] Taverna do Dragão #42 – Death Note

PODCAST # Death Note

Seja bem vindo aventureiro!!!!

Nesse episódio da Taverna do Dragão, Herbert Parasio, Wesley Nunes e Davi Ferreira falam sobre esta grande obra que modificou a cultura pop de maneira permanente. Conheça um pouco da história que nos cativou e conheça a maior polêmica já criada dentro deste Podcast. Porque Herbert? Porque?

Para fazer o Download:

http://oskharas.com.br/podcasts/taverna_do_dragao_deathnote.mp3

*botão direito e salvar link como…

Para assinar o Feed:

http://oskharas.com.br/feed/podcast/

Novo Canal de Games do Herbert:

Youtube.com/Welcomegames

Para entrar em contato é fácil:

contato@oskharas.com.br

Siga também nossas redes sociais:

@oskharas

@HerbertParasio

@felipecmcampos

Facebook.com/oskharas

Telegram

Os Kharas

About Os Kharas

Viva a aventura!

  • Rogerio Gelonezi

    Hail!
    Meu nome é Rogério Gelonezi, 30 anos, Arquiteto de Softwares e Empreendedor na área de Board Games. Bauru-SP.

    Death Note ficou ecoando em indicações de amigos por muito tempo, até que um dia surgiu a Netflix no Brasil e junto dela Death Note em seu catálogo.
    Junta facilidade para assistir com tempo livre, rotina alucinada começou.
    Assisti tudo em um final de semana, fiquei completamente fascinado pelo L. e torcendo por ele até o final.
    Torci tanto que depois do primeiro episódio da segunda temporada, havia abandonado a série e depois deste programa, não me arrependo nem um pouco. hehe.

    Parabéns por mais um episódio fantástico!
    Depois da catarse no final sobre o Anime, vou arrumar um tempo para ler o Manga.

    Grande Abraço.

    • Wesley S Nunes

      Obrigado pelo elogio ao programa!
      Hahaha! É curioso ver como a história do Herbert não é única!
      Rogerio, faz muito bem em ir buscar o final da serie nos mangas, boa sorte com nova leitura.

  • Jefferson dias

    ***Herbert, nota 2 é #%@%#%#%#%%#%#% volta pra Lost hahahahahahahah****
    ***se você tivesse dado nota 2 pro live-action, eu até concordo com você********

    Bem, já faz muito tempo que vi/que li essa obra magnifica, mas eu acho que vocês criaram um furo na explicação da historia, e esse furo explica o fato de existir dois cadernos(ou mais!!) e a não morte da Misa(?) e a morte do Raito no final.
    –O Ryuki diz durante a serie que “quando a ora chegar ele vai escrever o nome do Raio no caderno dele(Ryuki)”, mas ele não tem como fazer isso e quanto a posse do caderno for do Raito.
    E como ele fez então?
    O Ryuki tinha um outro caderno o tempo todo!!!!! O caderno que ele ” deixa” cair e o Raito encontra, na verdade, pertencia a outro shinigami que morreu protegendo um humano, Ryuki entediado, *Toma Posse* desse caderno sem dono e joga ele no mundo humano(isso explica o fato de Raito enchergar o Ryuki, mesmo o Ryuki não sendo o dono original do caderno). Bem o final não precisa ser explicado….

    –“Se um shinigami salva a vida de um humano, ele(shinigami) morre.”
    Se você entendeu o que eu escrevi anteriormente, vai perceber que o shinigami Remu “não salvou a Misa no começo da historia”, se tivesse feito isso na primeira vez ele teria morrido!!! O que aconteceu, é a mesma coisa que aconteceu com o Ryuki: um shinigami se sacrificou para salvar a Misa, Remu viu o ocorrido e decide entregar esse “caderno sem dono” diretamente para Misa.
    Explicado isso, explica também, em qual caderno Remu escreveu o nome do L(no próprio caderno de Remu).
    Existiam mais de 2 cadernos ao mesmo tempo, mas isso não é mencionado porque os shinigamis não são amigos dos humanos, eles despendem das mortes dos humanos para viver, se eles ficam muito tempo sem escrever o nome de um humano em seu caderno, ele simplesmente morre!!!
    Isso deve estar no mangá em algum lugar mas, como não é importante para o desenrolar da historia, acaba passando batido.
    (Eu sei que Remu é uma excessão a essa regra!)
    Mas isso é uma coisa que você só percebe depois se pesquisar um pouquinho, tenho certeza que li isso em algum lugar a muito tempo……sei lá posso estar falando muito merda também hahahahahahahah já faz muito tempo……..

    • Wesley S Nunes

      Fala, Jefferson!
      Obrigado pelo esclarecimento de alguns fatos que ficaram nebulosos durante o podcast. Conversando com os kharas, decidimos não contar o final da trama e alguns pontos chaves para aqueles que se interessarem pudessem assistir/ler sem tantos spoilers.
      Estava na minha cabeça de falar sobre o Live Action do Death N. só que eu acabei me esquecendo, foi ótimo vc ter mencionado!

  • Vocês até pegaram leve com Death Note!! Quando me falaram antes que foi polêmico achei que seria um massacre à obra ahahaha

    Conheci Death Note ao acaso. Estava lendo os scans de One Piece e quando alcancei os capítulos atuais na época, estava sem nada para ler e pedi indicação de outro mangá numa comunidade do Orkut. Nisso me indicaram Fairy Tail e Death Note, e pelo nome acabei optando pelo segundo (sábia escolha). Fiquei abismado no começo, tanto pelo ótimo traço quanto pela história que me prendeu até certo ponto. Como estava desempregado, li tudo em uma semana.

    Para mim a série merecia uma nota 10, até o aparecimento da Misa. Ela apenas foi um recurso do roteiro para o Raito poder ganhar do L e, sem ela, acredito que Raito seria massacrado rapidamente. Após isso Death Note começa a derrocada (exceto pelo momento em que Raito e L se unem, e toda a manobra do Raito com os dois cadernos). Não gostei da forma como o L foi morto, e a segunda fase é totalmente desnecessária, mesmo eu ainda gostando um pouco do Mello, mas tendo que aturar o idiota do Near.

    Gostei bastante do cast! Vocês resumiram bem e ficou um bate papo legal! Irei ouvir o restante, e sempre que tiver algo para acrescentar, passo aqui nos comentários. Ah, e totalmente compreensível a nota 2 ahahaha

    Grande abraço!!

    • Wesley S Nunes

      Falou bem, Bruno!
      Death Note é um anime/mangá que eu tenho mto apreço, não tem como chutar o balde e massacrar a obra, msm com a derrapada q foi dada no final da série.
      Ao meu ver a Misa não foi “força de roteiro” (recurso do roteiro), a vida sempre tem surpresas. Contudo acredito q vc esteja certíssimo em pensar q se a Misa não entrasse na história, o L conseguiria o seu objetivo em pouco tempo!
      Obrigado pelo elogio ao podcast!
      O Taverna do Dragão fica mais rico com os comentários de vcs q curtem os nossos episódios, é sempre importante a sua postagem!
      Abc e até o próximo Taverna!

  • Jefferson JmN

    Na época que eu usava internet discada, um camarada meu quando vinha na minha casa trazia uns animês, depois de ver os quais eu tinha, decidi por ler algum mangá, já que animê era impossível baixar. Sai pesquisando querendo algo desconhecido (pra ver como não entendo nada do mundo otaku – achar que DN era desconhecido) e na lista optei por ler Death Note, achei sensacional, me prendi mais ainda no quadro no qual L e Kira falam que um vai pegar o outro. Infelizmente fiquei procurando no Orkut coisas sobre o mangá e acabei tomando spoiler sobre o L, ai quando eu continuava lendo, ficava mais preocupado em chegar na morte do L, tanto que o arco da Yotsuba achei cansativa e queria passar logo. Pra mim o melhor mangá, não vejo nada contra a segunda temporada, gostei do Mello, deu um pouco mais de ação por agir mais fora da lei, o que me fez gostar dele, mas realmente perdeu o impacto que tinha com o L. O podcast ficou legal, apesar de alguns erros (como o da Remu salvar a Misa) e não entendi o porquê de não terem falado da fase Mello/Near já que falaram da morte do L, que ao meu ver é o mais impactante da estória. Conheci a pouco tempo o site, estou fazendo maratona dos episódios (não de todos) e quando eu chegar nos mais recentes, acho que talvez vocês vão ter feito sobre oDeath Note o filme Netflix kkkkk. Abraços a todos.